Em falta no mercado: LIDERANÇA

Por Celso Estrella
06/07/2018 · Gestão Estratégica

Está mais do que evidente que o Tite orientou os jogadores do Brasil para, ao dar entrevistas, atribuir o sucesso ao trabalho de equipe, mesmo quando provocados pelas perguntas dos repórteres sobre seu desempenho pessoal.

Porque essa preocupação não ocorre no mercado de trabalho?

Talvez porque a grande preocupação dos profissionais em tempos de crise seja crescer, manter seu emprego e, seus lideres não saibam administrar isso tão bem como o Tite vem fazendo com a seleção brasileira.

O verdadeiro líder deve ter entre suas principais preocupações:

- Conseguir resultados para a empresa e para isso,

- Dirigir sua equipe em alto nível de competência e comprometimento com os resultados.

Administrar as vaidades dos que se julgam “astros do pedaço", ter autoridade para mandar “baixar a bola” e caprichar nas assistências.

As pessoas têm que ser lembradas que o mais importante é o coletivo e que ninguém faz nada sozinho.

Isso é papel do líder e não pode ser delegado.